Just… Kiss me!

 

Ela até podia dizer que tudo começou com um beijo, mas na verdade…

Tudo começou com um olhar, um olhar que transmitiu curiosidade, empatia, carinho e, estranhamente (pois nunca se tinham visto antes), desejo…

Ela ficou presa àquele olhar. Teve a sensação que ele a viu até à alma…

Ele ficou preso à timidez natural dela… E a adrenalina do desafio foi a que falou mais alto num primeiro momento! Mas depois…

Olhares e sorrisos que transmitiram uma cumplicidade nunca colocada em palavras… Olhares mal disfarçados, porque outros olhares se aperceberam…

Ela sonhou… sonhou com os lábios dele, com o seu sorriso travesso… Através da aparência de menino malandro, ela viu a sua timidez reflectida nele…

Ele observou, atentamente. Registou-lhe os traços, os trejeitos… e sentiu a cumplicidade e segurabça de alguém que viu para lá da aparência…

No ar ficou aquela vontade de………..

…………………………………..won’t you please KISS ME?!

5 comentários:

Eu disse...

Quero, sim...

Lobo disse...

Nele ficou o desejo....
... De Beijar...


Um Beijinho... :)

A.S. disse...

Sarah...

É no beijo que tudo começa!
É nos lábios que se abrem as portas do infinito!


Doces beijos...

Luna disse...

O beijo que o olhar exige.

Bjs de Lua Cheia

Lobo disse...

E Num Beijo...
Podemos ter todo o Amor!...

(Diz-me!.. Diz-me qual a razão...
Porque um beijo dado na boca, se sente tanto no coração???...)


Um Beijinho... :)