Bate leve levemente...

Bate leve levemente... e é mesmo a chuva!
Há alturas em que realmente aprecio este tempo. Chuva, vento, dia cinzento... Dias em que posso ficar na cama o tempo que me apetecer, sem pensar em horários, trabalho, nada!!
Hoje está a ser um desses dias. Estou na sala, a escrever, ao som de Diana Krall e a ver a chuva cair lá fora. Sabe tão bem...
Hoje acordei cedo e com vontade de fazer amor...
O quarto estava escuro (apenas com a luminosidade do relógio despertador) e ouvia-se a chuva lá fora...
Virei-me para o lado e lá estava ele a dormir. Conseguia ver as suas formas, senti a sua respiração calma... dormia profundamente ainda.
Levantei-me e fui-me refrescar. Um duche rápido, mas revigorante. E o meu desejo ia aumentando... Resisiti a brincar com o chuveiro, guardando-me para ele. Sequei-me e voltei para a cama, nua. Aproximei-me dele e percebi que estava a despertar.
Colei-me às costas dele e comecei a beijar-lhe o pescoço e a nuca, rocando-me ligeiramente para que pudesse sentir a minha nudez. Sem se virar, começou a acariciar-me as nádegas... Quando a minha mão desceu até ao seu sexo, pude perceber que o desejo dele era tão ou mais intenso que o meu... Virou-se para mim e beijamo-nos intensa e demoradamente.
Depois, virou-me de costas e massajou-me o corpo todo, ao mesmo tempo que ia depositando leves beijos. Cada vez mais excitada, comecei a procurar o seu membro... Posicionamo-nos de forma a que cada um pudesse brincar com o sexo do outro e só paramos quando ambos estavamos quase no auge.
Voltei a virar-lhe as costas e pus-me de quatro, pronta para o receber. Ele penetrou-me sem pressa e sem qualquer dificuldade, tal era o meu estado de excitação! Entrou em mim primeiro muito suavmente, com as mãos apenas apoiadas nas minhas costas, mas assim que comecei a gemer de prazer, agarrou-me com força as ancas e penetrou-me com intensidade até ao orgasmo! Deitamo-nos, cansados, lado a lado e disse-lhe baixinho "foste maravilhoso" ao que ele me respondeu com um simples "amo-te"...
Há já algum tempo que não nos amavamos assim. Foi mesmo muito bom.

6 comentários:

JMB a.k.a. GIRASSOL disse...

c´est l´amour....oh....tambem ando assim

Laura disse...

Olá!
Gostei tanto do teu blog...gosto dos dias de chuva...adoro estar em casa....gosto da Diana Krall...tb acordo cheia de desejos....adoro sexo....ah e adoro escrever. :)
Gostava de pôr teu link no meu blog, posso?
Beijos

Anónimo disse...

bom fim de semana

sarah disse...

Olá Laura!
Ainda bem que gostaste do meu blog! Eu já estive no teu e também gostei muito!
Claro que podes adicionar o meu link no teu blog! O prazer é meu!!
Mas uma advertência (para ti e para todos que visitam este meu modesto blog): eu escrevo com pouca frequência, porque o tempo é pouco e a vida é para ser vivida intensamente!!
Beijos para todos!!

Afrodite disse...

Olá Sarah!

Um dia de chuva, como o de hoje, música e uma boa companhia, o que é que uma mulher pode querer mais?

Beijinhos

Anónimo disse...

intiresno muito, obrigado