Ardo de desejo

Os teus olhos, a tua voz, a tua postura, até o teu nervosismo disfarçado... tudo me seduz!
És lindo, apetece-me tocar-te!

Mas controlo-me.
Os teus lábios... apetece-me beijar-te!

Mas controlo-me...
Lês-me o pensamento. Tocas com a ponta dos dedos os meus lábios... estremeço...
"Beija-me!" peço-te com o olhar. Sorris, aproximas-te e pousas delicadamente os teus lábios nos meus...



imagem retirada da internet

Solto um suspiro... Há quanto tempo ansiava pelo teu toque...
Sinto a tua língua procurar o caminho até à minha. Facilito a busca.
Ardo de desejo.
As nossas bocas unidas num beijo louco... Os nossos corpos colados, transpirando desejo... As nossas mãos descontroladas, explorando novos mundos...
O espaço é exíguo, mas conseguimos acomodar-nos confortavelmente. Encaixo perfeitamente em ti.
Já não sei se é um só beijo, se uma sucessão desenfreada de beijos!
Mordes-me os lábios. Fico louca!
Desces para o meu pescoço. Solto um tímido gemido...
Estou ofegante, o meu coração disparou... Sinto-me como um vulcão prestes a entrar em erupção! Tu és o catalizador deste acontecimento...
Esta ansiedade mata-me!
Ardo de desejo...
Vem. Quero-te. Possui-me!

2 comentários:

CamaReira disse...

o meu coração também pulou e o meu corpo estremeceu, e assim esse beijo também o foi meu.
Lindo...Beijo maravilhoso, um sonho do qual não se quer acordar.

Beijos

Bichinho disse...

Como me traz lembranças que não esqueço...não quero esquecer !

Beijo fantasma.